Fechar

Não participou dos eventos anteriores?

Saiba tudo que aconteceu na primeira e segunda edição.

[Download] Fórum do Agronegócio 2018 [Download] Relatório Fórum do Agronegócio 2017

Reinhold Stephanes anuncia estudo para novo traçado de ferrovia no próximo ano

Secretário de Gestão Pública do Paraná e ex-ministro de Agricultura participará do Fórum do Agronegócio, em Londrina

[Reinhold Stephanes anuncia estudo para  novo traçado de ferrovia no próximo ano]

O secretário de estado de Gestão Pública, Reinhold Stephanes, participará do Fórum do Agronegócio 2019, que acontece dia 8 de abril, durante a ExpoLondrina, com o tema “Potencializar o Agro: da infraestrutura à agregação de valor. Soluções?”. O Fórum deve reunir, em Londrina, as principais lideranças do agronegócio brasileiro. Ele é um dos convidados a falar no painel “Soluções e desafios para potencializar a eficiência do Agronegócio brasileiro”.

Para o secretário, discutir e debater o agronegócio é sempre importante e estratégico para o país. “Se consideramos o Paraná, onde este setor tem tanta importância na economia, debater os desafios, gargalos e estratégias para melhorar é fundamental”, diz.

Segundo o secretário e ex-ministro da Agricultura, o Estado possui infraestrutura e logística razoáveis. “Os estudos da licitação da nova malha pedagiada do Estado, que aconteceria a partir de 2022, estão sendo conduzidos pela Secretaria de Infraestrutura e Logística. Além de considerar uma sensível baixa nas tarifas, ela prevê a finalização da duplicação de todo atual anel viário com a inclusão de novas rodovias, que seriam: PR 280 - que liga Barracão, Francisco Beltrão a Palmas; PR 445 - de Londrina a Mauá da Serra; PR 092 - De Jaguariaíva a Santo Antônio da Platina; PR 170 - de Londrina a Porecatu; PR 317 - de Maringá a Santo Inácio e PR 323 - de Maringá a Francisco Alves”, explica. No que se refere aos portos, no entanto, ele diz ainda estão previstas mais melhorias no Porto de Paranaguá e a viabilização do Porto de Pontal.

Já sobre ferrovias, Stephanes diz que precisa ser estabelecido um novo traçado do Mato Grosso até o porto de Paranaguá. “Um estudo de viabilidade técnica, econômica e ambiental (EVTEA) precisa ser feito e deve começar já no próximo ano, pelo menos do primeiro trecho que será o trecho da Serra do Mar, que liga Curitiba a Paranaguá. Mas trata-se de um projeto a longo prazo. O que pode ser feito nos próximos quatros anos são os estudos e a obtenção das licenças”, explica

Sobre a melhoria das estradas rurais e vicinais, o secretário diz que o Estado conta com 16 patrulhas rurais que atendem todo o Paraná, através de consórcios municipais, para aferir a qualidade das estradas rurais e identificar onde existem problemas.  “Temos mais de 100 mil quilômetros de estradas rurais e monitorar tudo isso é um desafio. Nossa ideia é de reforçar estas patrulhas, mas ainda não há recursos disponíveis para a ampliação do projeto”, afirma.

Para Stephanes, o sucesso da agricultura se baseia em três pilares: tecnologia, crédito rural e mercado externo. “Estes três pilares precisam receber atenção constante e continuar fazendo parte da dinâmica agrícola”, afirma. Ele diz que, com a logística e a infraestrutura inadequadas em algumas regiões, o custo de transporte é muito elevado. “Nestes casos, é preciso concentrar os esforços e a atenção do governo. Temos também muito a atuar no seguro agrícola”, aponta.

As inscrições para o Fórum do Agronegócio 2019 estão abertas e podem ser feitas no site www.forumdoagronegocio.com

 

Notícia anterior Fórum do Agronegócio... Próxima notícia Só com reformas, País...