Fechar

Não participou dos eventos anteriores?

Saiba tudo que aconteceu na primeira e segunda edição.

[Download] Fórum do Agronegócio 2018 [Download] Relatório Fórum do Agronegócio 2017

Só com reformas, País terá dinheiro para investir em infraestrutura, diz deputado

Presidente da Frente Parlamentar da Agricultura, Alceu Moreira estará em Londrina no dia 8 para discutir o Agronegócio

[Só com reformas, País terá dinheiro para  investir em infraestrutura, diz deputado]

Para o deputado Alceu Moreira, do MDB-RS, que preside a Frente Parlamentar de Agricultura (FPA) no Congresso Nacional, antes que o setor do Agronegócio possa exigir qualquer coisa é preciso aprovar as reformas propostas pelo governo para que haja dinheiro para se aplicado nas necessidades. “A partir daí, e com conhecimento das necessidades, aplicar os recursos através de planejamentos de curto, médio e longo prazos, garantindo os valores nos orçamentos futuros sem que isso tenha influência da vontade dos governantes do momento”, afirma.

Moreira é um dos painelistas convidados para o Fórum do Agronegócio 2019, que acontece em Londrina, no dia 8 de abril, durante a ExpoLondrina. O tema dessa terceira edição do Fórum é “Potencializar o Agro: da infraestrutura à agregação de valor.  Soluções?” O parlamentar participa do painel “Soluções e desafios para potencializar a eficiência do agronegócio brasileiro”.

Segundo o deputado, no Rio Grande do Sul, o governo tem um plano de concessões que deverá melhorar a logística. “Além disso, em parceria com governos e BNDES, em dois anos devemos destinar recursos, através da bancada de deputados e senadores em Brasília, para concluir os acessos asfálticos restantes no interior do estado, que são mais de 30”, disse. Porém, de acordo com ele, sem ajuste fiscal, não há como fazer tamanho investimentos no tempo devido.

O Moreira afirma que o custo da produção agrícola é, em parte, de responsabilidade dos “sócios ocultos”, que não aparecem, mas geram altos custos para o produtor. “Um desses elevados custos é o transporte. Por isso, cremos que após o país passar por reformas haverá recursos que contemplem a infraestrutura conforme sua necessidade”, diz.

De acordo com ele, há tempos o país abandonou a infraestrutura e continuou privilégios, “cobrando de quem não deve para pagar quem não merece”. “Precisamos tirar o país desse emaranhado de legislações fiscais e tributárias para simplificar, modernizar o país. Um choque de simplificação, mas sem precarização os setores”, afirma.

 

As inscrições para o Fórum do Agronegócio 2019 estão abertas e podem ser feitas no site www.forumdoagronegocio.com

Notícia anterior Fórum do Agronegócio... Próxima notícia “Não há um projeto...